Citando


Memórias de Um Sargento de Milícias
Manuel Antônio de Almeida




''Quando temos apenas 18 a 20 anos sobre os ombros, o que é um peso ainda muito leve, desprezamos o passado, rimo-nos do presente, entregamo-nos descuidados a essa confiança cega no dia de amanhã, que é o melhor apanágio da mocidade.''


'' Em certos corações o amor é assim, tudo quanto tem de ternos, de delicado, de fiel, desaparece depois de certas provas, e transforma-se num incurável ódio.''


''Dizem todos, e os poetas juram e tresjuram, que o verdadeiro amor é o primeiro; temos estudado a matéria, e acreditamos hoje que não há que fiar em poetas: chegamos por nossas investigações à conclusão de que o verdadeiro amor, ou são todos ou é um só, e neste caso não é o primeiro, é o último. O último é que é o verdadeiro, porque é o único que não muda. As leitoras que não concordarem com esta doutrina convençam-me do contrário, se são disso capazes. "



"Não há nada que mais sirva para fazer nascer e firmar a amizade, e mesmo a intimidade, do que seja o riso e as lágrimas: aqueles que se riram e principalmente aqueles que uma vez choraram juntos, têm muita facilidade em fazerem-se amigos."


''Não são de zelos os meus queixumes
nem de ciúmes abrasados
são das saudades que me atormentam
na dura ausência de meu amor.''


Por Tuane Moura

                                              

8 comentários:

Natália Alves 1 de fevereiro de 2013 15:07  

Adorei os quotes, principalmente o primeiro e o penúltimo, são ótimos *-*

Beijo:*
Naty.

Amanda Biazzi 2 de fevereiro de 2013 07:47  

"Não há nada que mais sirva para fazer nascer e firmar a amizade, e mesmo a intimidade, do que seja o riso e as lágrimas: aqueles que se riram e principalmente aqueles que uma vez choraram juntos, têm muita facilidade em fazerem-se amigos." Muito lindo. Estou seguindo seu blog, bem bacana *-*

Livráticos

Bianca Spinola e Tuane Moura 4 de fevereiro de 2013 04:28  

Fico feliz por gostar, Amanda! Volte sempre.

Sarah Marques 4 de fevereiro de 2013 09:21  

Ameiii esse post, sério!
Parabéns pelo blog!
Beijos

Bianca Spinola e Tuane Moura 4 de fevereiro de 2013 14:15  

Que bom, Sarah! Agradecemos o carinho ;)

Bruna Gomes 25 de fevereiro de 2013 05:52  

Amo literatura nacional e esse tá na minha listinha a um tempão...
Bom, passei pra avisar sobre uma indicaçãoque fiz ao seu blog no link: http://absortoemlivros.blogspot.com.br/2013/02/especial-o-caso-dos-selinhos-esquecidos.html
Passa lá.

Bruna

Postar um comentário

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Template Para Blogspot